Artigo

Publicado em 27 de novembro de 2016 | Por:

Imagem do Universo 01

IMAGEM DO DIA!

Nesta fotografia cósmica, as incrivelmente simétricas asas de Hen 2-437 aparecem em um magnífico tom azul gélido. Hen 2-437 é uma nebulosa planetária, um dentre os cerca de 3.000 desses objetos que sabe-se existirem na Via Láctea.

Localizada na esmaecida constelação Vulpecula (A Raposa), Hen 2-437 foi identificada pela primeira vez em 1946, por Rudolph Minkowski, que depois também descobriu a famosa e igualmente bela M2-9 (também conhecida como Nebulosa do Jato Duplo).

Hen 2-437 foi acrescentada a um catálogo de nebulosas planetárias mais de duas décadas depois, pelo astrônomo e astronauta da NASA Karl Gordon Henize.

Nebulosas planetárias como Hen 2-437 formam-se quando uma velha estrela de pouca massa — como o Sol — chega ao estágio final de sua vida. A estrela se incha, tornando-se uma gigante vermelha, para depois projetar suas camadas gasosas externas em direção ao espaço.

A estrela propriamente dita então encolhe lentamente, formando uma anã branca, enquanto o gás expelido é lentamente comprimido e levado para fora por ventos estelares. Como se vê nesta imagem de notável beleza, Hen 2-437 é uma nebulosa bipolar — o material ejetado pela estrela em colapso se espalhou pelo espaço, criando os dois lobos azul gélido aqui mostrados



Nenhum Comentário - Deixar um Comentário


Nenhum comentário.

Deixe um comentário

Você deve estar logado para postar um comentário.

Mais artigos

  • É DISSO QUE PRECISAMOS NO BRASIL : UM RUMO E MUITA LUZ !
  • A educação e o exemplo transformando vidas!
  • Reunião com o Dalton Pastore Jr atual Presidente da ESPM
  • Cursos superiores tradicionais podem ser extintos até 2030
  • Investimento na educação pública
  • Alysson Muotri: Telly Award 2018 com o vídeo sobre “mini-cérebros” em laboratório!
  • 8Voyager 2 da NASA entra no espaço interestelar
  • Antoniana Ursine Krettli : A Malária e a importância das mulheres na ciência!
  • A descoberta dos elementos químicos ao longo dos últimos 300 anos!
  • Retrospectiva Facebook 2018 Helio Dias
  • Mais artigos